Arquivo da tag: aprendizado

Levando uma surra

Montar um blog está sendo mais demorado e trabalhoso que eu imaginava. Mesmo com banda larga as ferramentas são lentas e não tão fáceis de usar como eu esperava. Bem, tudo é relativamente novo pra mim nesta blogsfera, quero crer que a medida que vou experimentado diferentes programas de construção e me habituando com as rotinas tudo fique melhor de manejar. Bora ver.

Existência Virtual

cpmonoale

A primeira vez em que montei uma página pessoal, ainda nos primórdios da internet, foi uma experiência interessante, apesar dos parcos recursos disponíveis à época. Ela já continha um esboço de portfólio e algumas brincadeiras, entre textos e montagens de fotos concebidos por pura malandragem. Acabou se perdendo no tempo por falta de uso e manutenção. Uma das coisas que mais me fascinavam eram os contadores de acesso. Eu e meus amigos ficávamos inventando meios de fazer com que o número de visitas aumentasse o máximo possível. Ainda não estávamos atentos ao tipo de visitantes que atraíamos. O que interessava eram apenas os números absolutos. Valia tudo, então. Cadastrar a home page em sites de busca com palavras relacionadas a sexo davam um bom ibope (o AltaVista era o top de linha da época e o Google nem boato era ainda). Um dos meus colegas chegou, inclusive, a criar links escondidos na página de abertura que levavam os felizardos descobridores a imensos acervos de fotos que vocês bem podem imaginar como eram. Até hoje, desconheço alguém que tivesse uma coletânea maior que a dele. Um belo dia, o site dele foi parar num grupo de debate na Finlândia e o contador da página disparou. Foram tantos acessos que o site saiu do ar com uma sobrecarga do provedor. Acabou chamando muito a atenção e, depois deste pico súbito de popularidade, a página deste nosso amigo teve que sumir do mapa sem deixar rastros (mas o acervo ainda existe que eu sei – e continua crescendo).

 

De lá pra cá, sempre valorizei muito a representação virtual e todos os estúdios e agências de que fui sócio tiveram uma página na internet. Meu primeiro escritório tinha como objetivo maior a criação de websites, inclusive. Só que eu acreditava mais no negócio que meu sócio, que acabou optando por dedicar-se exclusivamente à programação de sistemas. Sempre recomendei aos meus clientes que tivessem um bom sítio e continuei fazendo o planejamento gráfico de conteúdo e navegação, mas desisti há muito tempo de fazer a programação. Afinal,esta era uma praia que exigia muita dedicação para ser viável economicamente e minha paixão sempre foi o design. Não dava pé virar programador. Lembro do “seu” Bruno dizendo certa vez: “seu” Jota, não importa o quanto se estude e se especialize em programação pra web, vai sempre ter aquela vez em que um moleque adolescente vai saber alguma coisa que você que é técnico em informática, graduado em ciências da computação e engenharia, não sabe.

 

A tarefa de preparar material de portfólio para manter um site pessoal e as trabalhosas atualizações de programação acabavam por me desanimar na hora de ressuscitar o meu espaço virtual. Cheguei a montar um perfil no Orkut por pressão dos amigos, mas nunca me interessei muito por aquilo. Agora, aproveitando a deixa da minha monografia e trabalho de conclusão do curso de publicidade, resolvi realizar todo o meu projeto ao redor de um site autoral, o meu site autoral.

 

A proposta de adotar o formato de blog e aproveitar módulos pré-existentes na internet foi para tornar a usabilidade mais fácil e ágil, uma vez que os internautas já estão habituados com eles. Outra vantagem foi a de poder me concentrar na produção de conteúdo e atualizá-lo a partir de qualquer computador, através dos recursos disponibilizados pela própria internet. Assim sendo, criei este espaço pra falar de design, propaganda, artes, culinária, viagens, fotografia e tantos outros assuntos que são do meu interesse e, acredito, sejam do de vocês também. E o melhor de tudo é que estes posts são dinâmicos e interativos! Dessa forma, vocês também podem participar enviando comentários e enriquecendo os assuntos.

 

É um prazer dividir este espaço com vocês.

 

interm-ilus

ilustrações feitas para um daqueles primeiros sites